F.A.Q.

Questões frequentes

A hipnose moderna é acessível a qualquer um, desde que a pessoa realmente queira, pois quem está no comando é ela própria. Porém, quando falamos de indução para a técnica regressiva, se o nível de ansiedade é alto torna-se mais difícil obter um relaxamento completo mas com exercícios e com alguma prática todos podem atingir o nível de transe.

Não. O estado de profundo relaxamento que a hipnose provoca traz uma sensação de bem-estar que resulta da obtenção do equilíbrio fisiológico. É utilizada não apenas para conhecer vidas passadas mas também para a redução do stress, tratamento de fobias, dores crónicas, ansiedade, depressão, doenças psicossomáticas, entro muitas outras. Muitos dizem ter medo de perder o controlo ao serem hipnotizados, ou ficarem em “poder” do hipnotizador – nada mais falso. Não é possível ser hipnotizado se não quiser. Toda hipnose é uma auto-hipnose. O hipnotizador só conduz o processo, é um instrumento para auxiliar a obter um relaxamento mais profundo.

Hipnose não é apenas regressão. E quando se refere regressão é necessário referir que esta é um processo composto por várias técnicas, anteriores e posteriores à própria regressão em si, aliás se apenas fizer uma sessão regressiva, sem seguir o fio condutor (que pode demorar várias sessões) não tem qualquer sentido terapêutico.

Um hipnoterapeuta cuidadoso tem sempre o cuidado de dar sugestões pós-hipnóticas de autonomia e liberdade. A Hipnoterapia Ericksoniana é considerada uma terapia breve, por exemplo. E a Hipnoterapia em geral é considerada breve quando comparada às demais terapias dentro do mesmo âmbito.

Se eventualmente, por estar num transe mais profundo, a paciente não aceitar a sugestão de voltar imediatamente, basta deixá-la mais algum tempo, e naturalmente, o transe hipnótico se transforma em sono fisiológico e ela acorda.

Mesmo quando está em transe, a mente tem um “filtro” protetor que salvaguarda a nossa integridade.

Não, fica num estado ampliado de consciência, ou seja, num estado focalizado de atenção, que permite aceder à mente inconsciente onde se encontram todas a memórias.