Como impor o que pensa e ser mais assertivo sem agressividade

Costuma-se dizer que a agressão leva sempre à falta da razão. Em primeiro lugar, é importante que perceba o que é que o leva a ficar inseguro em relação aos outros para não se sentir ouvido. Há uma parte de si que receia a opinião dos outros e não o deixa impor a sua forma de pensar.


Antes de mais, é necessário trabalhar a sua auto-estima e só depois a assertividade. A baixa auto-estima gera um comportamento inadequado, que gera uma reacção negativa nas outras pessoas, que gera uma auto-depreciação e novamente o comportamento inadequado. Ou seja, nunca acaba!

Como impor o que pensa e a ser mais assertivo sem agressividade

O comportamento não assertivo é uma bola de neve que se retroalimenta. Quanto mais alta for a sua auto-estima mais facilmente vai afirmar-se e sem receios para poder dizer o que pensa.

Quanto mais assertivo você for, melhor vai lidar com os confrontos, terá menos stress, mais confiança em si mesmo, saberá agir com mais tacto, melhorará a sua credibilidade, saberá lidar com as tentativas de manipulação, chantagem emocional. Enfim, vai-se sentir melhor e contribuir para que os outros também se sintam melhor.

Como impor o que pensa e a ser mais assertivo sem agressividade

Para se ser assertivo é importante mudar o diálogo interior, de negativo para positivo. Aprender a organizar a sua própria conversa interna. A par disto é necessário aprender a respeitar-se e a dar-se ao respeito, descobrindo qual é o seu verdadeiro valor.

Sobre o autor

Dra. Rosa Basto
Licenciada em Psicologia
Hipnoterapeuta
Criadora do método Terapia Diamante®
Presença quinzenalmente na TVI com a rubrica “Curar com a Hipnoterapia” no programa A Tarde É Sua
Palestrante e Formadora nacional/internacional de Hipnose Clínica e PNL e Terapia Diamante®
Rubrica: Hipnoterapeuta dos Portugueses na Revista Zen Energy


Comentários

Share this post