Como ultrapassar os distúrbios e problemas de natureza psicológica e psicossomática?

“A longa experiência da hipnoterapeuta Rosa Basto e a dimensão da sua atuação em consultório, com mais de 500 pacientes novos todos os anos, permitem-lhe conhecer as necessidades específicas de cada pessoa para assim realizar uma terapia personalizada. Hoje, é uma das terapeutas mais procuradas em Portugal e, atualmente, podemos vê-la quinzenalmente na TVI, no programa A Tarde é Sua.”

Revista Zen Energy


Terapia Diamante®: o que é a Hipnose Clínica e de que modo funciona para que o paciente ultrapasse os distúrbios e problemas de natureza psicológica e psicossomática?

Gosto de dizer que a hipnose é um estado ampliado de consciência que se atinge, geralmente, através da combinação da imaginação e da concentração da atenção e do desejo de envolvimento, disponibilizando-nos para imaginar determinadas situações e reagir-lhes emocionalmente. O que o hipnoterapeuta faz é levar o paciente, num estado seguro e tranquilo, através da indução hipnótica, aos momentos traumáticos e bloqueados na mente inconsciente.

Sabemos que a mente inconsciente é o reservatório das experiências vividas pela pessoa, e assim que acedemos a essas experiências, através das técnicas que dispomos na Hipnoterapia, levamos o paciente a libertar a carga emocional e a carga que acabou por somatizar no corpo associada a esse momento/evento problema. Na hipnose é possível dissociar a pessoa do evento e conseguir ver a situação de uma outra forma, dando-lhe uma nova compreensão. Quando a pessoa recorda o evento como se ainda estivesse a viver o problema tudo se torna mais difícil, enquanto no transe podemos levar a pessoa a ver a situação sem aquela carga emocional do momento traumático, dissociando-a. Ao compreender sobre outro ponto de vista aquela mesma situação, levando recursos, liberta a emoção envolvida do processo doloroso, colocando uma emoção saudável nesse lugar.

A Organização Mundial de Saúde considera a Hipnose Clínica válida e recomenda-a no tratamento da ansiedade, asma, depressão, síndrome do cólon irritável e até em cuidados paliativos.

Utilizo a Hipnose Clínica em todos os casos do foro psicológico e tenho tido excelentes resultados. Contudo, existem tratamentos mais eficientes que outros. Abordo todas as perturbações associadas aos quadros de ansiedade e de depressão, como as fobias, ataques de pânico, agorafobias, as várias formas de depressão desde a depressão major até à depressão reativa, perturbações alimentares como a anorexia e a bulimia, e tantas outras. Hoje em dia, utilizo a Hipnose Clínica no controlo da dor, nas doenças autoimunes e nas doenças oncológicas. A nossa mente é capaz de mudar o estado físico e mental. Por isso, quando educamos as pessoas que se sentem mal a comunicarem positivamente com elas próprias, em primeiro lugar, e depois com os outros, tudo pode mudar. Os bons resultados sempre acontecem quando as crenças dos pacientes são trabalhadas, ou seja, quando as pessoas têm crenças limitantes ficam impedidas de sonhar e de viver. O meu trabalho incide nesse aspecto fundamental. Ao fazer uma psico-educação no seu processo de vida, as pessoas aprendem a ter crenças facilitadoras para sonharem e concretizarem os objetivos de forma saudável e feliz.

Sobre o autor

Dra. Rosa Basto

Licenciada em Psicologia
Hipnoterapeuta
Criadora do método Terapia Diamante®
Presença quinzenalmente na TVI com a rubrica “Curar com a Hipnoterapia” no programa A Tarde É Sua
Palestrante e Formadora nacional/internacional de Hipnose Clínica e PNL e Terapia Diamante®
Rubrica: Hipnoterapeuta dos Portugueses na Revista Zen Energy


Comentários

Share this post