fbpx

Revolução de ser livre e a liberdade de ser

Os meus pacientes reconhecerão estas palavras de boas-vindas que habitualmente dirijo numa primeira consulta: “Este é um espaço onde pretendo que se sinta seguro(a), protegido(a) e livre. Livre para se expressar sem quaisquer condicionamentos”. Acredito que possibilitar aos pacientes a experiência de serem livres na sua essência e expressão das suas vivências mesmo dentro de um[…]

Ler mais…

Além dos olhos fechados: a viagem interna da Hipnose

Ainda que a hipnose já tenha vindo a ser progressivamente desmistificada, (e esta é uma das missões de trabalho sobre o qual a Clínica Dra. Rosa Basto também se tem comprometido e debruçado), podem ainda fazer-se sentir algumas dúvidas ou comentários como os abaixo expostos por algumas das pessoas que nos procuram. Este facto é por[…]

Ler mais…

Caos interior: o efeito silencioso do stresse

O conceito de stresse teve origem na física, no século XVII e significava dificuldade, exigência, adversidade, aflição. Após uma longa viagem, este conceito chegou à psicologia e está relacionado com a perceção de ameaça por parte do indivíduo. Nesta ciência, stresse é o processo de resposta do indivíduo aos acontecimentos quotidianos suscetíveis do ameaçar ou pôr[…]

Ler mais…

Abuso sexual infantil: como reparar o irreparável

O abuso sexual infantil tornou-se um problema emergente da sociedade contemporânea e temos assistido a uma explosão discursiva sobre o tema. A aversão a este tipo de crime gera unanimidade quase absoluta. Crianças, assim como adolescentes, serão sempre seres humanos com direitos especiais e qualquer crime contra eles se transforma rapidamente num modelo de atrocidade. O[…]

Ler mais…

O corpo doente: uma linguagem para as nossas emoções

Hipócrates, estudioso grego considerado o pai da medicina, já no século IV a.C., afirmou existir uma relação entre corpo, mente e ambiente criando uma teoria com base nas proporções de quatro humores corporais a que chamou sangue, fleugma, bílis amarela e bílis negra. Os estados de equilíbrio destes humores corporais ditariam um estado de saúde ou[…]

Ler mais…

Vulnerabilidade é ter coragem de assumir quem somos de verdade

Quantos de nós guardamos sentimentos e pensamentos que não partilhamos por receio do julgamento dos outros (pela vergonha, pela preocupação de não incomodar)? Ou quantos de nós num ato de desabafo até ganhamos essa coragem e no final da (nossa) história ouvirmos: “Isso passa!” ou “Vai ficar tudo bem!” “Foste sempre tão forte, não percebo porque[…]

Ler mais…